Considerações capilares

Sabe aqueles dias que você quer se esconder do mundo, ou melhor, quer esconder seu cabelo? Não há gorro, prendedor, faixa ou tic tac que resolva: tudo fica péssimo! E não estou falando de bad hair day, mas de uma coisa pior: bad hair “corte”. Nessas horas a gente processa a cabeleireira ou chora?

Eu, como não tenho terapeuta e nem grana pra contratar uma advogada – afinal, apenas uma garota defenderia minha causa com toda emoção que o momento pede -, me conformo em sentar e chorar. E escrever.

O pior de ter um corte mal sucedido é ter que exibí-lo e ver a hipocrisia nos lábios dos semi-conhecidos.Cortou o cabelo? NOOOOSSA! Nossa-nossa!. Você percebe que a frase começa com um sorriso colgate e termina com um (sorriso) amarelo.

Mas se você prefere pessoas sinceras, saiba que seus amigos – os de verdade – vão ser.  ..  “-Cortou o cabelo? HAHAHAHAHAHA Po… Boto fé. A crítica está implícita na parte do “ha-ha”, especialmente se forem garotos do tipo machão…

Ir ao cabeleireiro é tão, OU MAIS, importante para a saúde mental de uma pessoa como um divã. Aliás, profissionais da beleza deveriam ser graduados em psicologia… “-Tah de TPM? Vai cortar só daqui 10 dias. Em casa quero que faça terapia ocupacional com Friends e chocolate”. A vida seria mais fácil…

O fato é que cortar dois palmos de cabelo pode levar embora mais que pontas duplas. Confiança, por exemplo. Sou daquelas pessoas que ficam semanas desestabilizadas emocionalmente pensando nos fios que se foram. Síndrome de Sansão!

Mas confesso que tirar esses palmos a mais no comprimento me fez perceber que é hora de cortar também outras coisas da minha vida; coisas que me desgastam, que não me valorizam e/ou que me escondem, igualzinho ao antigo cabelo… Porque mulher quando mexe nas madeixas não é pra fazer “manutenção”, é pra fazer revolução!

😉

Foto: Reprodução

Enviado por: Rúbia Gondim

Anúncios
Publicado em Papo de salão | Marcado com , , , | 2 Comentários

Long Bob, o cabelo primavera-verão!

Resquício do inverno, este corte de cabelo terá continuidade ao longo desta estação! O Long Bob, ou LOB,  nada mais é do que o corte Bob (conhecido aqui no Brasil como Chanel) mais comprido.

Muitas mulheres se tornaram adeptas dessa nova versão do tradicional Chanel, que tem como madrinha, Jennifer Aniston. A loira já adotou o LOB como sua marca registrada, e já usou todas suas variações!

Alexandra Von, Olivia Palermo,  Jessica Alba e Gwyneth Paltrol optaram pelo Lob Blunt, que é mais reto e cai bem para quem tem cabelos finos.

As estrelas Nicole Richie, Tyra Banks, Anne Hathaway e Jessica Simpson preferem um visual com mais textura e movimento, por isso escolheram o Lob Long- layered. Esta variação do Lob é perfeita para quem tem o rosto alongado, pois o volume oferecido pelo corte dá proporção e equilíbrio ao visual.

Assim como Jennifer Aniston, o Lob Choppy foi adotado por Scarlett Johansson, Selena Gomez, Taylor Momsen e  Camilla Belle. A versatilidade e leveza do corte, que tem como característica o repicado, não requer muitos cuidados pois não exige que ele esteja sempre impecável. Além disso, o Choppy pode ser usado por todo tipo de mulher, já que combina com todos os formatos de rostos.

Vai dizer que você não se inspirou nesses cortes lindíssimos? Eu já estou louca para ir correndo ao salão adquirir um novo look! 😉

Fotos: Reprodução

Enviado por: Ana Stevanato 

Publicado em Beleza | Marcado com , | Deixe um comentário

Unhas de noiva!

O tão sonhado Big Day vem acompanhado, claro, de uma super produção para a estrela do dia: a noiva!!! E para que saia tudo perfeitinho, um planejamento é muito importante, para que nenhum detalhe seja esquecido. E quem já está com o pezinho no altar, sabe que dá um certo trabalho escolher o penteado, o make, os acessórios, o perfume, a lingerie… e por aí vai, não é?

Hoje vamos falar das unhas das noivinhas, que farão parte da produção e deverão estar bem produzidas, afinal serão alvo de muitos flashes para mostrar o buquê e uma linda aliança! E olha que em se tratando de cores de esmalte, não faltam opções!

Do branquinho tradicional ao vermelho, com francesinha, strass ou decorativas, tem para todos os gostos e personalidades. Importante mesmo é estar bem cutilada, lixada e pintada com capricho! Uma boa dica inclusive, é reforçar a hidratação das mãos e pés no mês do casório, e ainda tentar não roer as unhas e cuidar para que estejam fortes e no tamanho desejado.

O esmalte mais famoso é o Renda, da Risquè, ou ainda outros da linha Rendas do Brasil.

Da Colorama, as cores Batida de Coco, Pétala Branca e Nude também são bastante pedidos!

Aqui nos meus sassaricos virtuais, encontrei uma linha de esmaltes da Ana Hickmann especial para noivinhas, com dois tons de branco e dois rosinhas. Encontramos uma grande variedade de cores em outras marcas e se você quiser decorar, aí as opções são ainda maiores.

Para as mais ousadas: Boneca, Pimenta rosa e Sexy Nude, todos da Colorama.

AH… e as unhas rendadas? Descobri agora! Mas esta novidade virá em breve aqui no blog, ok?

Espero que curtam! Beijinhos!

Fotos: Reprodução

Enviado por: Camile Araújo

Publicado em Sassaricos de noiva | Marcado com , , | Deixe um comentário

Eu te amo…Não diz tudo, por Arnaldo Jabor.

Cena do filme "PS: Eu te amo"!

Você sabe que é amado(a) porque lhe disseram isso?

A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras.

Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida,

Que zela pela sua felicidade,
Que se preocupa quando as coisas não estão dando certo,

Que se coloca a postos para ouvir suas dúvidas,
E que dá uma sacudida em você quando for preciso.

Ser amado é ver que ele(a) lembra de coisas que você contou dois anos atrás,

É ver como ele(a) fica triste quando você está triste,
E como sorri com delicadeza quando diz que você está fazendo uma tempestade em copo d’água.

Sente-se amado aquele que não vê transformada a mágoa em munição na hora da discussão.

Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente inteiro.
Aquele que sabe que tudo pode ser dito e compreendido.

Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é,
Sem inventar um personagem para a relação,
Pois personagem nenhum se sustenta muito tempo.

Sente-se amado quem não ofega, mas suspira;
Quem não levanta a voz, mas fala;
Quem não concorda, mas escuta.

Agora, sente-se e escute: Eu te amo não diz tudo!

Publicado em Faxina da Alma | Marcado com , , | 1 Comentário

Dessa vez, Anderson Silva dançou!

Quem diria, o campeão mundial de M.M.A, Anderson Silva, dançou!

Quem conhece seu desempenho no octógono nem imagina que o lutador é um ótimo dançarino, e não estou falando daqueles passinhos a La Michael Jackson que ele improvisa, e muito bem, diga-se de passagem, no momento da entrada no ringue!

E foi ao assistir a apresentação de Anderson, ao som de “Don’t Stop ‘Til You Get Enough”, que Marisa Monte se encantou com os contrastes de força e delicadeza, peso e leveza, e resolveu convidá-lo para o clipe de sua nova música de trabalho “Ainda bem”.

O campeão, apaixonado pelas canções da cantora, não pensou duas vezes e disse ter realizado um sonho:  “A Marisa é fantástica. Quando a gente viu, a gente já tinha terminado e ficou super bacana. A proposta era um clipe da música dela, a gente fazendo uma dança à vontade. Fiquei muito nervoso, pisei muito no pé dela e quase derrubei-a umas duas vezes!”

A letra é super fofa, a música é bem gostosinha, e apesar do lutador ter dito não ter muito “jeito para dança”, não foi o que pareceu e o clipe ficou lindo! Quer conferir o resultado desse “improviso”? Veja o vídeo de “Ainda bem” estrelado por Marisa Monte e Anderson Silva.

Para os machistas de plantão…Os brutos também dançam!

Vídeo e foto: Reprodução

Enviado po: Ana Stevanato

Publicado em Para eles | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Sua Puta!

*** Artigo retirado do blog “Sobre a Vida“, de Frederico Mattos.

Ela vendou os olhos dele. Suspirou um gemido no seu ouvido antes de tirar a venda. Ela abriu bem as pernas com cinta liga e lingerie preta diante dele. A venda caiu e veio sua reação facial: nojo + desprezo.

Ela jamais se soltaria como antes na cama com ele.

 

Existe uma fratura psicológica na mente masculina: você pode ser deliciosamente devassa na cama desde que não seja esposa dele.

Mulher para casar e mulher para comer.

Santa ou puta.

Mamãe e mulheres.

É estranho dizer mas o homem médio fantasia uma mulher em seus pensamentos masturbatórios diferente da mulher que ele leva para o altar.

A mulher da fantasia não tem limites, não tem medo de ser penetrada e de se submeter à sua dominação. Nela a mulher pode fazer senho anal sem negociação, engolir seu esperma e ter um prazer tresloucado.

A mulher para casar precisa ser convencida, vagarosamente convencida, recusar apelos mais fortes, fazer cara de virgem e pura.

Caso contrário ele pensa “com quem ela aprendeu tudo isso?” ou “será que ela faz isso só comigo?” ou ainda “quanta vulgaridade, será que devo confiar meus filhos à ela?”

Você está em dúvida se isso é real? Tente levar seu namorado ou marido ao limite da loucura e agir como uma mulher livre e desimpedida. Ele vai suar frio, parecer que gosta, mas vai se assustar.

Explicação psiquica para isso. A mãe é o primeiro objeto de amor e desejo do filho. No momento que ele se dá conta que a mãe é uma mulher precisa administrar essa sensação incômoda. Divide a mãe em duas. A primeira é assexuada, pura, virgem e imaculada. A segunda é aquela que pertence ao seu pai, impura e que ele passa a projetar nas outras mulheres. Daí nasce a Santa e a Puta.

Se uma mulher dificulta suas investidas ela é confiável, se cede no primeiro encontro ela é uma vagabunda. Estranho dizer, mas uma mulher que tem a liberdade de oferecer o que ele deseja tem menos valia.

Por isso essa grande hipocrisia coletiva entre homens e mulheres. Ambos poderiam transar na primeira noite, se apaixonar e casar por longos anos. Mas a mulher precisa fingir que não tem desejo para não ser associada com algo vulgar e falso.

Alguns homens vão rebater dizendo que adorariam que suas mulheres fossem mais soltas na cama.

Foto: Reprodução

Texto de: Frederico Mattos, psicólogo e blogueiro do “Sobre a vida”

Enviado por: Rúbia Gondim

😉

Publicado em Papo de salão | Marcado com | 3 Comentários

Há momentos, por Clarice Lispector

Há momentos na vida em que sentimos tanto

a falta de alguém que o que mais queremos

é tirar esta pessoa de nossos sonhos

e abraçá-la.

Sonhe com aquilo que você quiser.

Seja o que você quer ser,

porque você possui apenas uma vida

e nela só se tem uma chance

de fazer aquilo que se quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.

Dificuldades para fazê-la forte.

Tristeza para fazê-la humana.

E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes

não têm as melhores coisas.

Elas sabem fazer o melhor

das oportunidades que aparecem

em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.

Para aqueles que se machucam.

Para aqueles que buscam e tentam sempre.

E para aqueles que reconhecem

a importância das pessoas que passam por suas vidas.

O futuro mais brilhante

é baseado num passado intensamente vivido.

Você só terá sucesso na vida

quando perdoar os erros

e as decepções do passado.

A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar

duram uma eternidade.

A vida não é de se brincar

porque um belo dia se morre.

Foto: Reprodução

Texto de: Clarice Lispector

Enviado por: Rúbia Gondim

Publicado em Faxina da Alma | Marcado com , | Deixe um comentário